diferenças entre semi joias folheada e banhada 300x193 Jóias Folheadas, Banhadas e Chapeadas qual a MelhorQuando vamos comprar bijuterias já sabemos que a qualidade é bem inferior ao ouro, mas pode acontecer de ouvirmos falar de uma peça folheada a ouro, e aí então pode surgir a dúvida na nossa cabeça: Será que a durabilidade dessa peça é realmente boa?

Por isso, vamos entender a diferença entre folheado, banhado e chapado. Podemos chapear vários tipos de peças, desde jóias até relógios, o processo é aplicar sobre essas peças uma fina folha de ouro ou prata, e uma forte compressão faz com que a folha se adere ao objeto. Já o processo de folheação exige objetos planos, chapas ou canetas para ser mais eficaz. Esse tipo de processo foi muito utilizado no período Barroco, em peças da Igreja.

Banhar uma peça é um processo minucioso, podem ser banhado a ouro, prata, metal, níquel, cobre ou ródio. Significa que você vai mergulhar a peça  base em uma solução de sais de ouro ligados a corrente elétrica.  Ao lado dessa peça, mergulha-se uma barra de ouro que fica ligada ao outro pólo da corrente elétrica, sua função é de transportar o ouro líquido para a peça que será banhada.

O tempo de imersão determina a qualidade da peça, dependendo da douração da peça, ela pode ser considerada bijuteria. Mas hoje em dia, a maioria dos anéis, relógios, brincos, pulseira e correntes são banhadas, mas se for com uma espessura fina, significa que é uma bijuteria, porém uma boa jóia deve sempre ter a espessura de ouro. O termo mais comum é o folheado a ouro, mas fique atento, algumas peças são banhadas a ouro.

Uma semi-jóia foi chapeada, sua maior desvantagem é o brilho menos intenso e é aconselhável não polir, pois o polimento desgasta a camada de ouro que reveste a jóia. A peça folheada recebe vários banhos de ouro, portanto, pode ser polida com mais freqüência.